Lorene Bazolo bate recorde nacional dos 100 metros em Salamanca | Fotografia: Facebook - arquivo

O novo recorde nacional, estabelecido por Bazolo na vitória da meia-final que correu, ficou a apenas dois centésimos da marca de qualificação direta para Tóquio2020.

O anterior recorde nacional já lhe pertencia, e também foi conseguido em Salamanca, em 2016.

Lorene Bazolo viria também a triunfar nos 200 metros, depois de, na final, perder os 100 metros com o mesmo tempo da cubana Arialis Gandula, do Benfica, ainda que com o vento forte demais para poder registar-se a marca.

Frederico Curvelo, do Benfica, venceu os 100 metros com um tempo de 10,39, tendo conseguido menos um centésimo na meia-final, a melhor marca pessoal do ano.

No salto em comprimento, Marco Chuva fez a melhor marca nacional do ano, com 7,68 metros, com João Coelho a fazer, nos 400 metros, a quinta melhor marca nacional de sempre, e novo recorde pessoal.

Fotografia: Facebook – arquivo