Jorge Prazeres pede demissão de treinador do Sintrense

Treinador em litígio com o director Desportivo do Sport União Sintrense

Jorge Prazeres já não é técnico do Sport União Sintrense

Jorge Prazeres já não é o treinador do Sport União Sintrense (SUS). O técnico, apresentou ontem o seu pedido de demissão, em litígio com o director Desportivo do clube.

Na hora de saída, Jorge Prazeres fez saber que a sua decisão, passa por “incompatibilidade” com o director Desportivo. Dos jogadores nada tem a apontar, pois têm sido “inexcedíveis”.

Entretanto em declarações ao jornal a Bola, técnico adianta que “já era para ter saído” do Sintrense, sublinhando que a sua decisão, “nada tem a ver com resultados”, antes com  “incompatibilidade com a Administração e com o diretor Desportivo, que são o cancro do clube”.

Jorge Prazeres é o quinto treinador a sair esta época do Clube, desta vez, em litígio com o director Desportivo do Sintrense.

 

(notícia em atualização)