Obras dos SMAS reabilitam ETAR do Magoito

ETAR | Promover uma melhoria na água e na areia da praia do Magoito

Remodelação da Etar, vai melhorar a qualidade da água e da areia na praia do Magoito | Imagem: CMS

Os Serviços Municipalizadas de Água e Saneamento (SMAS) de Sintra estão a realizar obras de reabilitação da Etar do Magoito, com o objetivo de dotar esta estação de tratamento com mecanismos para reutilização de cursos de água, que correm a partir de uma acumulação de outros cursos de água na época das chuvas.

Com um investimento de aproximadamente 900 mil euros (85% do valor adjudicado tem financiamento aprovado do POSEUR), abrange 5500 habitantes, da União das Freguesias de São João das Lampas e Terrugem.

“É um bom investimento para a população e para a preservação do meio ambiente. A reabilitação desta infraestrutura no Magoito vai resolver um problema de acumulação de águas e lamas que estava sem solução”, referiu Basílio Horta numa visita ao local.

Melhoria na água e na areia da praia do Magoito

Segundo nota enviada ao SINTRA NOTÍCIAS, a remodelação da ETAR do Magoito tem por objetivo, promover uma melhoria na água e na areia da praia do Magoito. Significa, que deixarão de ocorrer descargas na linha de água, quando existe um aumento considerável do curso de água sempre que chove.

A empreitada contará ainda com a redefinição do traçado do emissário do Magoito, garantindo a afluência gravítica dos efluentes à ETAR, o que contribuirá para a robustez do sistema.

Segundo informação municipal, a obra inclui igualmente a recuperação e limpeza da Ribeira da Mata e a formação de uma cortina visual à ETAR minimizando os impactes visuais, através da plantação de árvores.

Recorde-se que esta Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) trata as águas residuais provenientes das localidades de Bolembre, Magoito, Tojeira, Aldeia Galega, Arneiro dos Marinheiros, Fontanelas, Gouveia e Pernigem, situadas na União das Freguesias de S.João das Lampas e Terrugem.

A obra iniciada em Janeiro de 2017 tem um prazo de execução de 360 dias.