O presidente da Junta da União das Freguesias de Sintra revelou esta terça-feira desagrado e incómodo pela inauguração do novo relvado do Sporting Clube de Lourel no âmbito do programa para o incentivo do desporto jovem da Câmara de Sintra.

Eduardo Casinhas, que deverá ser recandidato este ano pela coligação PSD/CDS-PP à freguesia, considerou que a iniciativa era uma “manifestação de campanha eleitoral”. “Não gosto deste tipo de situações”, sublinhou o autarca que viu o relvado de um clube da sua freguesia ser substituído ao fim de quinze anos, o que corresponde ao tempo máximo de “vida” deste tipo de sintéticos.

O presidente da Junta revela, num vídeo na rede social facebook, que “por isso é que eu não gosto de participar nisto, mas como é na minha freguesia…”. O incómodo com a Câmara Municipal de Sintra terminou com uma revelação surpreendente do autarca: “E depois quer-me ao pé, ao pé dos gajos e isso é que me chateia mais”, confessou no final.

A cerimónia no Sporting Clube de Lourel começou com o descerramento de uma placa seguindo-se depois uma fotografia com todos os autarcas presentes, nomeadamente o presidente da Câmara de Sintra e o presidente da União de Freguesias, em conjunto com os vários jovens que treinavam no estádio.

Este investimento da autarquia sintrense resulta de um programa de incentivo ao desporto jovem, que abrange mais de 10 mil atletas. A colocação e substituição de novos campos de relvado sintético em 10 clubes do concelho, num investimento da autarquia superior a 1 milhão e 200 mil euros.

O programa de incentivo ao desporto jovem envolve os seguintes clubes:
Atlético Clube do Cacém [concluído]; União Mucifalense [concluído]; Sporting Clube de Lourel Cacém [concluído]; Clube Atlético P. Pinheiro [início em maio]; União Recreativa das Mercês [em obra]; Sociedade R. D.de Negrais [em obra]; Clube Futebol Montelavarenses [início em julho]; Recreios Desportivos do Algueirão [início em julho]; Arsenal 72 – Desporto e Cultura; Belas Rugby Clube [início em julho].

Partilhar