Ferreira de Castro

O I Encontro Castriano dedicado à vida e obra de Ferreira de Castro, realiza-se este sábado, dia 12 de novembro, das 10h00 às 18h00, no Museu Ferreira de Castro, em Sintra.

Ferreira de Castro foi um dos mais marcantes e renovadores romancistas portugueses da primeira metade do século vinte.

Quase 48 anos após a sua morte (1898-1974), a obra do romancista de Emigrantes, “A Selva” e “A Lã e a Neve”, entre outros, continua presente nas livrarias com sucessivas reedições, o que demonstra o interesse pelo escritor.

Esta permanência de Ferreira de Castro no património cultural e imaterial português explica-se pela originalidade de um estilo único e pelas temáticas dos seus livros – o ser humano diante das dificuldades da existência, materiais, afetivas ou culturais – continuarem atuais.

Museu Ferreira de Castro

Programa

10h00 | Apresentação dos Encontros
10h15 | Vítor Viçoso, «A Lã e a Neve e o Imaginário Neo-Realista: convergências e divergências»
11h00 | Manuel Matos Nunes: «Tiago, o “Estica”, em A Selva, de Ferreira de Castro»
11h45 | Fernando Ramos Machado, «Ferreira de Castro e os Grão-Mestres de Malta»
12h00 | Debate

14h15 | Annabela Rita, «Ferreira de Castro e a globalização»
15h00 | Ana Cristina Carvalho, «Rigores de Inverno em romances Castrianos: Cenário, personagem e mensagem»
15h45 | Clara Campanilho Barradas: «O teatro de Ferreira de Castro»
16h30 | Carlos Jorge F. Jorge, «Traços do destino e projeções da natureza humana nas representações da água em Ferreira de Castro»

A entrada é livre mas sujeita a inscrição prévia através de e-mail ou  tel. 21 923 88 28.