Otávio, Gonçalo Inácio e Diogo Costa entre as seis novidades na seleção

Fernando Santos, selecionar Nacional | Foto: FPF - arquivo

Fernando Santos anunciou, ao final da manhã desta quinta-feira, a lista de 25 convocados para os próximos dois jogos a contar para o apuramento do Campeonato do Mundo 2022 no Catar.

Otávio, Gonçalo Inácio e Diogo Costa estrearam-se hoje entre os convocados da seleção portuguesa de futebol, para os embates com República da Irlanda e Azerbaijão, de qualificação para o Mundial2022, numa lista com oito saídas relativamente ao Euro2020.

O selecionador português, Fernando Santos, chamou pela primeira vez o médio luso-brasileiro Otávio e o guarda-redes Diogo Costa, ambos do FC Porto, e o defesa-central Gonçalo Inácio, do Sporting, promovendo ainda os regressos dos defesas João Cancelo, Ricardo Pereira e Domingos Duarte e do médio João Mário.

Integrado no Grupo A, Portugal vai enfrentar a República da Irlanda, no próximo dia 1 de setembro, pelas 19h45 no Estádio do Algarve, e o Azerbaijão, em Baku, dia 7 de setembro, às 20h00.

O grupo, tem ainda pelo meio, dia 4 de setembro, um particular com o Qatar, a realizar na cidade de Debrecen, na Hungria.

Lista de jogadores escolhidos pelo Selecionador Nacional:

Guarda-redes – Anthony Lopes (Olympique Lyon), Diogo Costa (FC Porto) e Rui Patrício (AS Roma);

Defesas – João Cancelo (Manchester City), Ricardo Pereira (Leicester City), Domingos Duarte (Granada CF), Gonçalo Inácio (Sporting CP), Pepe (FC Porto), Rúben Dias (Manchester City), Nuno Mendes (Sporting CP), Raphael Guerreiro (Borussia Dortmund);

Médios – Danilo Pereira (PSG), João Palhinha (Sporting CP), Rúben Neves (Wolverhampton Wanderers FC), Bruno Fernandes (Manchester United FC), João Mário (SL Benfica), João Moutinho (Wolverhampton Wanderers FC) e Otávio (FC Porto);

Avançados – Bernardo Silva (Manchester City FC), André Silva (RB Leipzig), Cristiano Ronaldo (Juventus FC), Diogo Jota (Liverpool FC), Gonçalo Guedes (Valencia CF), Pedro Gonçalves (Sporting CP) e Rafa Silva (SL Benfica). 

Fotografia: Federação Portuguesa de Futebol (FPF)