Marco Almeida candidato pelo PSD em Sintra

A Comissão Política Nacional do PSD aprova esta terça-feira o nome de Marco Almeida como candidato oficial do PSD a Sintra.

Segundo o Expresso avança na sua edição online a lista que receberá luz verde hoje tem pelo menos 44 nomes, dos quais 11 são presidentes em funções que se recandidatam para um novo mandato. Também há vários vereadores, o caso de Marco Almeida, que vão tentar chegar à liderança das respetivas autarquias.

O vereador Marco Almeida já tinha revelado no início de janeiro que era candidato “indicado pelo PSD” à Câmara Municipal de Sintra nas eleições autárquicas de 2017. O atual vereador, que foi vice-presidente da autarquia durante 12 anos, concorreu com independente nas últimas eleições autárquicas contra o PSD.

Na altura, em declarações à Lusa, o vereador afirmava que a coligação de partidos teria o nome de “Sintrenses com Marco Almeida” e os restantes candidatos seriam indicados na lista pelos outros partidos.

Marco Almeida reconhece erro ao ter avançado sozinho nas últimas eleições

Marco Almeida admite que nas autárquicas de 2013 cometeu erros que levou ao afastamento do PSD. Depois de há quatro anos ter decidido avançar sozinho para as eleições autárquicas diz agora que o mais importante é que “há aqui o reconhecimento do erro cometido em 2013”, nomeadamente “pela forma como eu conduzi o processo”, afirmou ao Jornal de Notícias há cerca de um mês.

O ex-vice presidente de Fernando Seara atribuiu também responsabilidades aos “partidos” pela forma como o processo foi conduzido em 2013. Com o apoio de Carmona Rodrigues (ex-presidente da Câmara de Lisboa) e de António Capucho (ex-presidente de Cascais), Marco Almeida diz candidatar-se porque “Sintra é o segundo concelho da Área Metropolitana de Lisboa com menos investimento”, situação que promete inverter.

Partilhar