Pandemia por Covid-19, "interdita" a realização dos festejos populares. no concelho de Sintra

O aproximar das festividades dos santos populares, principalmente as respeitantes ao Dia de São Pedro, é marcada tradicionalmente por arraiais populares em várias freguesias do concelho Sintra, envolvendo habitualmente a concentração de pessoas na via pública.

Contudo devido à atual situação de pandemia do vírus SARS-CoV-2 , “estas festas não são permitidas” e, desta forma, o presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, objetivando o cumprimento das medidas decorrentes da Resolução do Conselho de Ministros que define regras especiais para a Área Metropolitana de Lisboa, determinou:

“A interdição da realização de atividades que originem a aglomeração de pessoas, nomeadamente arraiais, festas, jantares-convívio e outras celebrações, incluindo a instalação na via e demais espaços públicos de quaisquer equipamentos de suporte e apoio a esses eventos, designadamente grelhadores, assadores, fogareiros, mesas e cadeiras”, pode ler-se no despacho.

“Esta decisão aplica-se a todas as pessoas singulares ou coletivas, independentemente da sua natureza jurídica e das finalidades subjacentes aos eventos que estas pudessem pretender levar a cabo”, refere o documento.

Assim, “a autarquia de Sintra irá ainda intensificar a fiscalização de serviços abertos ao público por todo concelho, mediante a atuação da Polícia Municipal, a qual deverá ainda exercer uma atividade de sensibilização, esclarecimento e informação junto dos munícipes”.