Portugal regista mais 74 mortos e 4044 casos de infeção

Esta segunda-feira há mais 3.908 pessoas recuperadas da doença e mais 62 casos ativos. A região Norte continua a ser mais atingida pela Covid-19, com mais de dois mil casos e 35 mortes em 24 horas.

Uso da máscara em tempo de pandemia

Portugal somou, nas últimas 24 horas, mais 74 vítimas mortais e 4.044 contágios do novo coronavírus. De acordo com o relatório epidemiológico divulgado, esta segunda-feira, pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

Das 74 mortes a lamentar nas últimas 24 horas, 35 ocorreram na região Norte, 26 em Lisboa e Vale do Tejo, 10 na região Centro, duas no Alentejo e uma no Algarve.

A região Norte tem mais 2.258 casos de infeção por Covid-19 e 35 mortes, seguida de Lisboa e Vale do Tejo com 1.052 infeções e 26 óbitos.

Na região Centro foram registados mais 490 casos e 10 mortes, no Alentejo 68 casos e dois óbitos, no Algarve 126 casos e uma morte, nos Açores 31 casos e na Madeira 19.

Lousada é o concelho onde a situação pandémica é mais grave, com 2.791 casos por cada 100 mil habitantes. Segue-se Paços de Ferreira (2.533 casos por 100 mil habitantes) e Vizela (2.523 casos por 100 mil habitantes), segundo os dados da DGS, desta segunda-feira.

Com mais de 2.000 casos de infeção por 100 mil habitantes, nos últimos 14 dias, destaque para Fafe (2.074), Felgueiras (2.221), Freixo de Espada à Cinta (2.335), Guimarães (2.343), Manteigas (2.029) e Penafiel (2.108). 

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 3.971 mortes e 264.802 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando hoje ativos 84.004 casos, mais 62 do que no domingo.

Relativamente aos internamentos hospitalares, o boletim epidemiológico da DGS revela que estão internadas 3.241 pessoas (mais 90 do que no domingo), das quais 498 em cuidados intensivos (mais sete nas últimas 2 horas).

[em atualização]