Escola Dr. Azevedo Neves, na Damaia

No dia em que se assinala o início de mais um ano letivo, vários pais concentraram-se, logo pelas 08h00, junto ao portão da escola Dr. Azevedo Neves, para acompanhar os filhos no primeiro dia de aulas.

Inserida na localidade da Damaia, no concelho da Amadora, esta escola é atualmente frequentada por 1.407 alunos, a maioria proveniente de famílias carenciadas e de várias nacionalidades, nomeadamente cabo-verdiana, guineense (Guiné Bissau e Guiné Conacri), sul africana, brasileira, ucraniana, moldava, russa, romena e chinesa.

Em declarações à agência Lusa, o diretor do agrupamento de escolas Dr. Azevedo Neve, Bruno Santos, manifesta-se orgulhoso com o trabalho desenvolvido pela escola, realçando o “empenho de toda a comunidade escolar”.

“Estamos a falar de uma escola que apresenta um grande leque de oferta diferenciada e que procura ir ao encontro das expectativas dos alunos, o que a torna bastante atrativa”, explica o responsável.

Bruno Santos sublinha que uma das razões que contribui para o sucesso escolar e profissional destes alunos é o facto de lhes permitir ter um contacto com a vida real.