Morreu o padre João Seabra

Morreu aos 72 anos, o padra João Seabra

Morreu esta sexta-feira o padre João Seabra, vítima de doença prolongada, informação avançada pela CNN Portugal.

Natural de Lisboa, tinha 72 anos e era licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e doutorado em Direito Canónico na Pontifícia Universidade Urbaninana de Roma.

O Cónego, capelão da Universidade Católica durante uma década, foi também pároco de Santos-o-Velho de 1989 a 2002 e de Nossa Senhora da Encarnação, no Chiado, de 2004 a 2018.

De recordar que em janeiro de 2019, foi condecorado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com o grau de Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.

Patriarcado de Lisboa deixou uma nota no seu site, onde recorda que João Seabra “foi ordenado sacerdote a 5 de novembro de 1978, pelo cardeal D. António Ribeiro, e celebrou Missa Nova no dia 12 de novembro desse ano, na Igreja de Santa Isabel, a sua paróquia”.

“Foi, ainda, defensor do vínculo do Patriarcado, assistente nacional do movimento Comunhão e Libertação e acompanhou as Equipas de Casais e de Jovens de Nossa Senhora. Foi fundador e presidente da associação educativa que possuiu o Colégio de São Tomás, em Lisboa, e o Colégio São José do Ramalhão, em Sintra”, é acrescentado.

Fotografia: Patriarcado de Lisboa