Homem detido por aterrorizar familiares e vizinhos em Sintra

Tribunal de Sintra

Um homem de 51 anos foi detido pelo crime de violência doméstica, depois das autoridades terem apurado que o suspeito exercia violência psicológica e financeira contra a mãe e a tia.

As autoridades constam que o homem exigia às vítimas “dinheiro para as suas necessidades”, nomeadamente à mãe, de 71 anos, que é doente mental.

“O suspeito partia o mobiliário em casa e colocava uma aparelhagem em volume bastante elevado, impedindo os familiares e vizinhos de dormir durante a noite, aterrorizando todos os moradores daquele local”, descreve a GNR, em comunicado.

O homem já havia sido detido, no dia 13 de setembro, pelo mesmo crime, tendo ficado proibido de contactar as vítimas e de entrar na União de Freguesias de Almargem do Bispo, Pêro Pinheiro e Montelavar, no concelho de Sintra.

Dois dias depois da detenção, o suspeito “entrou em incumprimento” e tentou contactar por telefone as vítimas. Perante esta situação, foi dado cumprimento a um mandado de detenção.

O homem detido pela GNR, foi presente ao Tribunal Judicial de Sintra, esta terça-feira, dia 12 de outubro, tendo ficado em prisão preventiva.