Surfista Vasco Ribeiro avança na Ericeira, Tomás Fernandes eliminado

Surfista, Vasco Ribeiro | Imagem: RTP

O português Vasco Ribeiro qualificou-se hoje para a segunda ronda da segunda etapa do Challenger Series da Liga Mundial de Surf (WSL), na Ericeira, onde Tomás Fernandes foi eliminado na estreia.

Na Praia de Ribeira d’Ilhas, Vasco Ribeiro venceu o 18.º ‘heat’ da primeira ronda, com 13,4 pontos (6,07 e 7,33), impondo-se ao australiano Cooper Chapman (12,07), que também avançou na prova, ao francês Gaspard Larsonneur (9,63) e ao havaiano Joshua Moniz (8,5), ambos eliminados.

“Não gosto de entrar no último ‘heat’ do dia, vamos vendo todas as grandes prestações dos outros surfistas, mas valeu a pena. Obrigada a todos os vieram até aqui à praia, foi muito bom poder surfar com todos aqui presentes, e vamos a isso, vamos à segunda ronda”, afirmou o cinco vezes campeão nacional e campeão do mundo de juniores em 2014.

Antes, na 12.ª bateria, Tomás Fernandes não foi além do quarto lugar, com 6,47 pontos (3,5 e 2,97), terminando a prova entre os 73.ºs classificados, ficando atrás do japonês Hiroto Ohhara (15,63), do brasileiro Ítalo Ferreira (14,8) e do havaiano Ian Gentil (12,07).

O ‘wild card’ Afonso Antunes e Frederico Morais, 10.º do circuito mundial de 2021, ainda vão entrar em prova, na segunda de quatro etapas do Challenger Series, no 24.º e último ‘heat’ da primeira ronda, juntamente com o australiano Sheldon Simkus e o brasileiro Alejo Muniz.

Além dos três representantes lusos na competição masculina, o Meo Vissla Pro Ericeira conta ainda com a presença das surfistas portuguesas Teresa Bonvalot, Francisca Veselko, Yolanda Sequeira, Carolina Mendes e da ‘wild card’ Mafalda Lopes.

A próxima chamada para a competição, cujo período de espera decorre até dia 10, está marcada para segunda-feira, às 07:35.