Médico infetado morre no Hospital São José em Lisboa

Este é o primeiro caso conhecido da morte de um médico por covid-19 desde o início do surto em Portugal.

Covid-19 | Foto: arquivo

Um médico que estava infetado pelo novo coronavírus morreu na quinta-feira na unidade de cuidados intensivos do Hospital de São José, em Lisboa.

“Confirmo a informação do falecimento de um médico, nos cuidados intensivos do Hospital de São José, ao qual endereço à família os pêsames”, disse Jorge Roque da Cunha, o secretário-geral do Sindicato Independente dos Médicos (SIM), à agência Lusa.

Este é o primeiro caso conhecido da morte de um médico por covid-19 desde o início do surto em Portugal.

A notícia foi avançada durante a noite de quinta-feira pelo jornal Público, que também dá conta de que o médico que morreu terá sido infetado por um colega e que este é o primeiro caso de uma morte associada ao SARS-CoV-2 neste grupo profissional.

O diário acrescenta que o médico tinha 68 anos, “estava internado há mais de 40 dias”, era especializado em medicina geral e familiar e colaborava com a equipa de gastroenterologia do Hospital Curry Cabral, que, assim como o São José, pertence ao Centro Hospitalar de Lisboa Central (CHLC).

O Público refere ainda que este profissional de saúde “não teria fatores de risco associados”.

O secretário-geral do SIM reiterou a “necessidade de um grande cuidado pela parte dos profissionais de saúde e das pessoas, no sentido de não baixar a guarda em relação às medidas de proteção”, para mitigar a propagação da pandemia.