Foto | Illustration of Coronavirus, virus which causes SARS and MERS, Middle East Respiratory Syndrome

Subiu para 409 o número de mortos por coronavírus em Portugal, segundo informação avançada pela Direção-Geral da Saúde (DGS) esta quinta-feira. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela DGS, registaram-se mais 29 vítimas mortais nas últimas 24 horas.

No total estão confirmados 13956 pessoas infetadas, mais 815 que na quarta-feira. 3801 aguardam ainda pelos resultados laboratoriais.

O relatório da situação epidemiológica, com dados atualizados até às 24h00 de quarta-feira, indica que a região Norte é a que regista o maior número de mortos (224), seguida da região Centro (104), da região de Lisboa e Vale do Tejo (72) e do Algarve, com oito mortos. Há um óbito nos Açores.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 409 mortes, mais 29 do que na véspera (+7,6%), e 13.956 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 815 em relação a quarta-feira (+6,2%).

Estão internados 1.173 doentes, 241 dos quais em cuidados intensivos. Há 7.994 mulheres infetadas e 5.962 homens.

[atualizada]

EM DIRETO | Conferência de Imprensa diária da Direção-Geral da Saúde
– António Lacerda Sales, secretário de Estado da Saúde
– Graça Freitas, diretora Geral de Saúde
– Fernando Almeida, presidente do conselho diretivo do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge

Conferência de imprensa COVID-19

Conferência de imprensa COVID-19 | Acompanhe em direto #DGS #Saúde #SNS

Posted by Direção-Geral da Saúde on Thursday, 9 April 2020

(…) O país vai receber, na sexta-feira, mais de um milhão de testes para a reserva nacional e, até 17 de abril, mais um milhão de kits de extração”, — António Sales

O secretário de Estado da saúde adianta que há 13 956 casos de Covid-19 em Portugal, sendo que já 409 pessoas morreram por causa no novo coronavírus.


O Norte é a região que regista o maior número de casos confirmados (8102), seguida de Lisboa e Vale do Tejo (3451), da região Centro (1905), do Algarve (260) e do Alentejo (94). Há 91 casos nos Açores e 53 na Madeira.

O concelho de Sintra regista 334 confirmados, seguindo-se Cascais (226); Oeiras (152); Amadora (129); Mafra (49).

Esta é a caracterização demográfica dos casos confirmados por concelho, segundo a informação reportada pelas Administrações Regionais de Saúde e Regiões Autónomas:

Recorde-se, Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 02 de março, encontra-se em estado de emergência desde as 00h00 de 19 de março e até ao final do dia 17 de abril, depois do prolongamento aprovado no dia 02 de abril na Assembleia da República.