Concurso para compra de comboios impugnado

    Segundo o ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santo, aguarda-se, agora, que o tribunal decida se dá seguimento à providência cautelar interposta por um dos concorrentes ao concurso.

    Estação de Sintra da CP | Foto: Sintra Notícias

    O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, afirmou hoje que o concurso para a compra de 22 novos comboios para a CP foi impugnado e está à espera de decisão do tribunal.

    “Relativamente ao contrato que foi feito para aquisição de novo material circulante, 22 comboios, ele foi alvo de impugnação de um concorrente”, adiantou o governante.

    Segundo Pedro Nuno Santos, aguarda-se, agora, que o tribunal decida se dá seguimento à providência cautelar interposta por um dos concorrentes ao concurso.

    Recorde-se, está previsto a CP colocar oito novos comboios a circular na linha de Sintra até ao final de 2020, anunciou recentemente o ministro das Infraestruturas e da Habitação, no âmbito da 4.ª edição das palestras “Mobilidade – Tendências, Desafios, Realidades”, que decorreu em Lisboa.

    “Vamos injetar novo material ferroviário na linha de Sintra e até dezembro de 2020”, disse ministro, que apontou “oito novos comboios na linha de Sintra”, até final do próximo ano.

    Entretanto, os equipamentos que se encontram inoperacionais vão ser recuperados na nova oficina da EMEF, localizada em Guifões, (Matosinhos), que será inaugurada esta quarta-feira, 15 de janeiro.