Confrontos entre grupos rivais faz quatro feridos e dois detidos

BALANÇO | Desacatos na estação de Queluz-Belas fazem ferimentos de arma branca em dois homens e uma mulher, e num elemento da PSP. O incidente envolveu uma centena de pessoas.

Estação da CP de Queluz-Belas | Foto. arquivo

Três jovens e um polícia da PSP de Queluz, ficaram feridos na sequência de confrontos entre grupos rivais, ontem à noite, na estação de comboios de Queluz-Belas e na Avenida Miguel Bombarda, com tiros, esfaqueamentos e desacatos.

Ferimentos de arma branca em dois homens e uma mulher, e num elemento da PSP, atingido por uma garrafa. Segundo fonte da PSP, na “desordem” entre os grupos rivais, foram utilizadas “facas”, mas nenhuma das vítimas apresenta ferimentos considerados graves.

O alerta para os confrontos, que envolveu cerca de 100 pessoas, foi dado à PSP às 23h29, de sábado, através de um telefonema de um cidadão a reportar atos de violência naquele local, adiantou fonte policial à agência Lusa.

Só com a chegada de reforço de uma equipa de intervenção policial a situação foi controlada. Ainda assim, a equipa da PSP, foi recebida à pedrada e “um dos agentes ficou ferido na cabeça e numa perna e teve que receber tratamento hospitalar”, disse esta manhã à CMTV, o comissário Tiago Mota, do comando Metropolitano da PSP, acrescentando que “alguns indivíduos dispersaram [com a chegada do reforço policial] e dois agressores foram detidos”, por terem obstruído e, por consequência, provocado a suspensão temporária da circulação de comboios naquela estação.

Os detidos que serão presentes ao Tribunal de Sintra, esta segunda-feira, 15 de julho, terão ainda que responder, por agressão aos agentes de autoridade.

Recorde-se, os incidentes estenderam-se também à estação da CP de Queluz-Monte Abraão. A circulação de comboios na linha de Sintra, esteve interrompida durante cerca de 30 minutos, até que toda a situação fosse normalizada, uma decisão conjunta entre a PSP e da Refer.

Criadas as condições de segurança, a circulação de comboios foi retomada, já passava da meia-noite. Os Bombeiros Voluntários de Queluz estiveram no local com duas ambulâncias e cinco elementos.