Governo abre concurso para médicos de família – dois ficam em Sintra

O Agrupamento de Centros de Saúde de Sintra (ACSS) vão ficar com apenas mais 2 médicos de Medicina Geral e Familiar, em Agualva e em Algueirão Mem Martins

Centro de Saúde de Algueirão Mem Martins, no Concelho de Sintra | Foto: arquivo

O Governo abriu um concurso para 86 vagas para a especialidade de Medicina Geral e Familiar para centros de saúde das cinco Administrações Regionais de Saúde (ARS), segundo um aviso publicado na quarta-feira em Diário da República. Os interessados tem cinco dias para se candidatar.

A nota destaca que os postos de trabalho a ocupar caracterizam-se, genericamente, pelo desempenho de funções médicas, na especialidade de Medicina Geral e Familiar.

Segundo o Ministério da Saúde, este concurso destina-se a médicos já vinculados ao Serviço Nacional de Saúde, que pretendam alterar o seu local de trabalho.

“Este procedimento agora em curso vem responder às necessidades de alteração de local de trabalho que não têm sido respondidas através dos concursos de mobilidade”, adianta o Ministério da Saúde em comunicado.

Segundo a tutela, foram abertas 30 vagas tanto na Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale como na ARS Centro, 20 na ARS do Norte e seis na ARS Algarve, distribuídas por unidades em 33 agrupamentos de centros de saúde”, refere o Ministério da Saúde em comunicado.

Entretanto e segundo apurou o SINTRA NOTÍCIAS, o Agrupamento de Centros de Saúde de Sintra (ACSS) vão ficar com apenas mais 2 médicos de Medicina Geral e Familiar, assim distribuídos: 1 na Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Agualva e 1 na Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados do Algueirão.