Oeiras vai investir 10 milhões para dinamizar o centro de Porto Salvo

O executivo afirma que o investimento vai "dinamizar a vida urbana local", um dos objetivos da autarquia

Câmara Municipal de Oeiras

O município de Oeiras aprovou um programa de 10 milhões de euros para o centro de Porto Salvo, onde serão construídos vários edifícios com valências diferentes, informou hoje a autarquia.

Num comunicado enviado à imprensa, o executivo afirma que o investimento vai “dinamizar a vida urbana local”, um dos objetivos da autarquia.

O Rossio de Porto Salvo irá receber um centro de saúde com 1.400 metros quadrados, a junta de freguesia de Porto Salvo, com uma área de 500 metros quadrados, uma área comercial e um parque de estacionamento coberto para cerca de 300 viaturas.

De acordo com a autarquia, no distrito de Lisboa, a cobertura do espaço comercial irá ainda ter uma praça que “servirá de ponto de encontro e realização de espetáculos e atividades culturais”.

Os prazos do projeto ainda não estão fechados.