SMAS de Sintra instalam ETAR compactas móveis na Cavaleira

Os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento de Sintra (SMAS de Sintra) instalaram duas ETAR compactas móveis na unidade da Cavaleira, em Algueirão-Mem Martins, que se encontra a beneficiar de trabalhos de requalificação.

“A instalação desta tecnologia (com funcionamento SBR), durante uma das fases da empreitada, resulta da necessidade de manter em funcionamento o sistema de saneamento, que dá resposta a cerca de nove mil habitantes, enquanto decorre a intervenção no decantador secundário e na estação elevatória de lamas”, explicam os SMAS de Sintra.

A empreitada em curso na ETAR da Cavaleira, que representa um investimento de 1,6 milhões de euros, “vai melhorar o funcionamento da unidade e aumentar a sua área de influência, incluindo a localidade de Sacotes, assim como o novo Hospital de Sintra”.

As duas unidades móveis, instaladas em contentores marítimos, funcionam com tecnologia SBR (Sequencing Batch Reator), “que significa que, no mesmo órgão de tratamento, de modo alternado, se processa a etapa de arejamento, decantação e descarga”, explicam os SMAS de Singra.

Para além destas ETAR móveis, o desvio do caudal afluente à ETAR é assegurado com recurso a viaturas limpa-fossas.

Com conclusão prevista para o final do corrente ano, a empreitada de beneficiação da ETAR da Cavaleira vai reforçar o tratamento de águas residuais provenientes da Cavaleira e Coopalme e passar a assegurar a drenagem da povoação de Sacotes, assim como dar resposta às necessidades que resultarem do novo Hospital de Sintra.

Atualmente com mais de 20 anos de funcionamento, a ETAR da Cavaleira já apresentava sinais da sua acentuada utilização, pelo que a remodelação pretende prolongar o seu tempo de vida útil, dotando a unidade de soluções que permitam melhor responder às necessidades de tratamento, às imposições da Agência Portuguesa do Ambiente e às normativas de qualidade do processo de tratamento e descarga no meio recetor.

Fotografia: JCS