Cientista Elvira Fortunato vence Prémio Pessoa 2020

O Prémio Pessoa 2020 foi hoje atribuído à engenheira de materiais e investigadora Elvira Fortunato.

Elvira Fortunato, Cientista, Professora Catedrática e Vice-Reitora da Universidade NOVA de Lisboa, especialista em Microelectrónica e Optoelectrónica | Foto: FCT Universidade Nova de Lisboa

A investigadora portuguesa é distinguida por um conjunto de invenções de que se destaca a criação do primeiro ecrã transparente a partir de materiais sustentáveis.

“Cientista, Professora Catedrática e Vice-Reitora da Universidade NOVA de Lisboa, especialista em Microelectrónica e Optoelectrónica, Elvira Fortunato, engenheira de formação, tem já uma larga lista de invenções e inovações onde se destaca o transístor de papel”, lê-se na ata do Prémio Pessoa 2020.

Destaca o júri que “graças a um percurso académico nacional e internacional de grande consistência, Elvira Fortunato tem revelado uma exemplar capacidade para enfrentar os problemas das relações entre o Estado e as empresas, assim como entre a investigação e a tecnologia, estimulando o trabalho de cooperação entre instituições”.

Ao atribuir-lhe o Prémio Pessoa 2020, “o júri consagra uma carreira de excecional projeção, dentro e fora do País, mas também reconhece um contributo notável para o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação português”, termina a ata do júri lida por Francisco Pinto Balsemão.


Sintra Notícia com SIC Notícias
Fotografia: FCT UNL Universidade Nova de Lisboa