Reincidente por violência doméstica fica em prisão preventiva

    rio de mouro | Um homem de 40 anos, condenado a três anos e quatro meses de cadeia por violência doméstica

    Polícia de Segurança Pública | Foto: Sintra Notícias - arquivo

    Um homem de 40 anos, condenado a três anos e quatro meses de cadeia por violência doméstica, com pena suspensa, foi novamente detido pela PSP depois de atacar a ex-mulher em Rio de Mouro.

    Segundo a PSP, “agrediu a vítima várias vezes durante o tempo que coabitaram e perseguiu-a já depois de terminarem a relação”. O homem foi presente a tribunal, e ficou em prisão preventiva.

    Na mesma área foi detido um homem de 42 anos, também por violência doméstica, que estava na posse de uma arma.

    Ficou proibido de contactos com a vítima.