Manuel Carlos Champalimaud passa a deter 9,65% dos CTT

    Manuel Carlos de Mello Champalimaud reforçou a sua posição na empresa

    O administrador dos CTT Manuel Carlos de Mello Champalimaud reforçou a sua posição na empresa e detém direta e indiretamente 9,65% do capital social e dos direitos de voto, divulgaram hoje os Correios de Portugal.

    Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), os CTT adiantam que Manuel Carlos de Mello Champalimaud, administrador não executivo, “passou a deter direta e indiretamente 14.468.841 ações representativas de 9,65% do capital social e dos direitos de voto dos CTT”.

    Do total, 284.885 estão em nome próprio e 14.183.956 são detidas pela Gestmin, totalizando 14.468.841 ações.