A competição nacional de surf que decorre este fim de semana na Praia Grande, levou o Bloco de Esquerda a lembrar que não há no local um Parque de Campismo para acolher participantes e visitantes.

“Desde 2004 que o antigo camping da Praia Grande está encerrado e ao abandono, acumulando-se lixo e situações de vandalismo”, lembra o Bloco Esquerda. O partido considera que, “a costa de Sintra ficou privada de um equipamento fundamental para um turismo próximo da natureza, para a economia local e para apoio a grandes eventos desportivos”.

Nas eleições de 2005, “PSD e CDS prometeram resolver. Em 2007 o Bloco propôs a declaração de interesse público do espaço, expropriação do terreno e abertura de um camping municipal. A maioria de Seara/Marco Almeida recusou a medida”, lê-se no comunicdado.

“Depois de, em campanha eleitoral, o PS prometer resolver o problema, em janeiro de 2015 Basílio Horta anunciou a intenção da Câmara em expropriar o espaço para instalar um novo camping”, lembra o Bloco, sublinhando que “até hoje tal intervenção não avançou”.

O Bloco exige assim “um camping municipal na Praia Grande” e tudo fará “para que aconteça, pois o equipamento é necessário e o espaço está disponível”. “Até agora faltou vontade política para fazer acontecer, tendo a Câmara desperdiçado uma óptima oportunidade de criar emprego e requalificar a zona”, defende o Bloco.

Partilhar