O centro de apoio pós vendas da Mercedes, instalado em Sintra, vai passar, este mês, a prestar apoio a concessionários de Portugal, França e Espanha, continuando o recrutamento prioritário de trabalhadores portugueses.

À margem do balanço de 2016 da marca automóvel, Isabel Aguiar, responsável por este centro de assistência em processos, sistemas e apoio técnico, afirmou, segundo a LUSA, que a equipa deve chegar, até ao final do ano, com 30 elementos, seguindo o objetivo de “conseguir todos os recursos em Portugal”.

Basílio Horta atribuiu em 2014 a Chave de Honra do Município de Sintra e o título de Munícipe Honorário ao então vice-presidente da Mercedes Benz e responsável da marca na Europa, Marcus Breitschwerdt

Inserido no segmento de ligeiros de passageiros, o centro funciona desde julho de 2016 a dar apoio a Itália, onde funcionava uma equipa local.

Dada a experiência positiva em Itália, a empresa decidiu alargar o serviço a toda a Europa e escolheu Sintra para instalar o centro, nomeadamente por o país “estar a crescer imenso na área dos ‘contact centers’, onde é preciso falar línguas”.

O país tem ainda um “muito bom nível de formação das pessoas”, além do “fator de competitividade” nos salários, admitiu a responsável da empresa, repetindo a importância do “fator qualidade” nesta escolha.

Partilhar